Volta para a capa
ENTREVISTA SIMULTÂNEA
José Castello

Nasceu em 08/02/1951, no Rio de Janeiro. Jornalista, escritor e crítico literário. Começou como estagiário do Correio da Manhã, em 1971; repórter d`O Diário de Notícias (1973-1975); redator do semanário Opinião (1975-1977); repórter de Veja (1979-1982); editor-assistente de Cultura da revista Istoé (1982-1986), onde chegou a chefe da sucursal do  Rio no período 1986-1989. Em seguida passou a editar os suplementos Idéias/Livros e Idéias/Ensaios do Jornal do Brasil (1989-1992) até se tornar cronista d`"O Estado de São Paulo" (1993-2000), onde se mantém como articulista, além de colaborador do caderno Prosa e Verso d`O Globo, do jornal de literatura "Rascunho" e do jornal "Valor Econômico", além de ministrar aulas de criação literária. É um dos jornalistas mais experientes na área literária tendo entrevistado os mais destacados escritores. Seu primeiro trabalho publicado é a biografia de Vinicius de Moraes - O poeta da paixão (1993), seguida por ensaios biográficos de João Cabral de Melo Neto - O homem sem alma (1999); Rubem Braga - Na cobertura de Rubem Braga (1999) ; um ensaio sobre a relação de Vinicius de Moraes com o Rio de Janeiro - Uma geografia poética (1999) – e uma coletânea de retratos literários – Inventário das sombras -, em 1996. Sua estréia na ficção se dá com Fantasma (2001) pela editora Record. Em 2003 tem suas Melhores crônicas publicadas pela editora Global. No ano seguinte retorna ao ensaio biográfico com Pelé: os dez corações do rei.  Trata-se de um escritor que vive na fronteira entre literatura e jornalismo, onde exerce o papel de "advogado do diabo" quando critica o mundo literário, já que fala de seu próprio mundo, uma tarefa árdua para o jornalista que encontrou na literatura sua paixão. Em 2007 lançou a colteânea de ensaios A literatura na poltrona: jornalismo literário em tempos instáveis, e em 2010 lançou um misto de romance e memória: Ribamar (2010), onde faz "um carinho tardio" ao seu pai e com o qual arrebatou o Prêmio Jabuti 2011. Seu lançamento mais recente reúne 100 das mais de 250 colunas publicadas no caderno "Prosa e Verso", do jornal O Globo.

Prossiga na entrevista:

Por que escreve?

Como escreve?

Onde escreve?

Jornalismo

Cinema

Crítica literária

Psicanálise

Música